Dia da Caridade: 4 dicas de como exercitar essa virtude

Hoje celebramos o Dia da Caridade, uma das três virtudes teologais e que nos ensina que devemos amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo da mesma forma como Ele nos ama. É desse amor que surge a vontade de ajudar o próximo e de oferecer a ele dignidade. A caridade vai muito além do simples assistencialismo, porque está impregnada do amor divino.

Hoje trazemos aqui algumas ideias de como praticar a caridade!

1. Doe bens materiais
Você pode fazer doações em dinheiro para instituições e obras sociais, como as que a Tarde com Maria mantém com o Santuário Cristo Redentor para alimentar pessoas em risco durante a pandemia. Mas vale também praticar o desapego material e separar roupas, sapatos, cobertores, brinquedos e outros itens para aqueles que necessitam mais do que você.

2. Doe tempo
Uma outra opção é dedicar parte do seu tempo para trabalhos voluntários. Se você tem algum dom ou profissão, pode fazer trabalhos gratuitos. Um médico, por exemplo, pode oferecer atendimentos de graça para pessoas carentes, um arquiteto pode ajudar no projeto de construção de uma ONG, um professor pode dar aulas de reforço para os que mais precisam. Em tempos de pandemia, você pode costurar máscaras a serem doadas. A atuação em sua paróquia também pode ser uma boa ideia.

3. Ajude os que estão ao seu redor
Seja conhecido ou desconhecido, sempre tem alguém precisando de ajuda. Pode ser um idoso necessitando de auxílio para atravessar a rua; uma gestante que não consegue dar conta das sacolas pesadas que carrega; um morador de rua com fome ou simplesmente um colega de trabalho que está sobrecarregado. Fique atento às necessidades daqueles que estão à sua volta.

4. Ouça e acolha
Muitas vezes, você nem precisa sair de onde está para pôr a caridade em ação. Um gesto carinhoso, uma palavra amiga ou um ombro acolhedor podem ser tudo o que o próximo precisa.