O milagre à mãe de Lúcia e o Caminho do Peregrino

Muita gente sabe a história dos pastorinhos, as três crianças portuguesas que presenciaram as aparições de Nossa Senhora na região da Cova da Iria, em Fátima. Mas nem todo mundo conhece os milagres realizados pela intercessão deles, tanto em vida quanto após a sua morte. Hoje vou contar um dos milagres atribuídos à Lúcia, concedido à sua própria mãe.

Ainda durante a época das aparições, Maria Rosa adoeceu gravemente e chegaram a dar por certa que morreria em breve. Desesperadas com a agonia da mãe, duas das irmãs de Lúcia, acreditando ser a caçula a causadora do desgosto e, consequentemente, da doença da matriarca, lançaram a ela um desafio: “se ela realmente via Nossa Senhora, então que fosse até a Cova da Iria para pedir à Virgem que a mãe fosse curada. Caso isso acontecesse, elas atenderiam a todo e qualquer pedido feito por Nossa Senhora e então acreditariam que tudo era verdade”*.

A menina, comovida e tomada de desespero, seguiu apressadamente em direção à azinheira onde Nossa Senhora lhe aparecida e, aos prantos, pediu à Virgem Maria que curasse sua mãe, fazendo uma promessa. Em seguida, ao retornar para casa, percebeu que o estado de saúde de Maria Rosa já era um pouco melhor. Apenas três dias depois, a mulher já estava recuperada, de pé e cuidando da casa.

Diante dessa inegável melhora, as irmãs a acompanharam no pagamento da promessa. Por nove dias seguidos, foram juntas à Cova da Iria para rezar o rosário. E, na volta, desciam a encosta de joelhos, desde a estrada até a azinheira. Ao final deste período, conforme prometido a Nossa Senhora, levaram crianças pobres e, terminada a oração, lhes ofereceram um jantar.

Sem imaginar, ao pagar a promessa feita à Mãe de Deus, Lúcia inaugurava um caminho que até hoje é feito de joelhos por peregrinos que visitam o Santuário de Fátima. Com o passar dos anos, o terreno irregular, repleto de pedras, foi urbanizado, mas a trilha foi demarcada para que os fiéis possam continuar seguindo este percurso de fé e penitência, conhecido como Caminho do Peregrino.

Essa e outras histórias a respeito das aparições e dos acontecimentos ligados a Nossa Senhora de Fátima você encontra no livro que eu e Kenya acabamos de lançar pela Globo Livros. Fátima já está nas livrarias e também pode ser comprado pela internet, nas versões tradicional e e-book. A obra foi feita com carinho e dedicação, para que você e cada vez mais gente conheçam mais a fundo a mensagem deixada pela Mãe Santíssima na Cova da Iria. Esperamos que esse livro toque fundo no seu coração!

* trecho do livro “Fátima”, de Berthaldo e Kenya Soares