Festa da Apresentação do Senhor no Templo

Hoje é o dia da Festa de Apresentação do Senhor no Templo. A festa, de origem oriental, é celebrada pela Igreja de Jerusalém desde o século IV, quando era comemorada quarenta dias após a Epifania. De Jerusalém, foi se espalhando para outros santuários do Ocidente e Oriente, e passou a ser contada a partir do Natal, sendo assim celebrada no dia 02 de fevereiro.

No Oriente a festa recebia o nome de “Festa do Encontro”, pois retratava a finalidade da celebração que era o encontro do Ungido de Deus com seu povo. Nas igrejas ocidentais, era chamada de “Purificação da bem-aventurada virgem Maria”. Já no calendário romano, revisado em 1969, o nome foi mudado para “A Apresentação do Senhor”, pois a Igreja comemora neste dia essencialmente um mistério de Nosso Senhor.

Entretanto, isto não subestima o papel de Nossa Senhora nos acontecimentos da data, já que os mistérios de Cristo e de Maria são interligados intimamente e se tornam uma “dupla celebração”, tanto de Cristo quanto de Maria. Por isso, neste dia, também se comemora, popularmente, a festa de Nossa Senhora da Luz ou da Candelária, já que, junto com seu esposo, São José, ela leva Jesus, que é a Luz do mundo, ao templo e o apresenta ao sacerdote.

O Evangelho de São Lucas relata a apresentação de Jesus: “Quando se cumpriu o tempo da sua purificação, segundo a lei de Moisés, levaram-no a Jerusalém para O apresentarem ao Senhor, conforme está escrito na lei de Deus: Todo o primogênito varão será consagrado ao Senhor e para oferecerem em sacrifício, como se diz na lei do Senhor, um par de rolas ou duas pombinhas” (Lc. 2, 22-24).