Domingo dos Bispos: ‘Todos somos chamados a ser missionários’

Na primeira Missa do dia, às 8h, a celebração foi presidida pelo Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, concelebrada pelo Bispo do Iguatu – CE, Dom Edson de Castro Homem e pelo Monsenhor José Roberto Devellard, pároco da Igreja da Ressurreição, em Copacabana.

Durante a homilia, o Cardeal Tempesta levou todos a refletirem sobre Cristo como Luz dos povos e que sua Igreja precisa ir de encontro a todos, anunciando essa boa nova. “A Igreja é chamada a ter essa universalidade do anúncio, portanto não é para apenas uma nação, um só povo. Por isso, quando a Igreja é missionária, evangelizadora, vai a todos os povos e nações. Ela não leva uma cultura de algum lugar, ela vai com o evangelho anunciando justamente a grande notícia, mas se insere em todas as realidades culturais.”

Já a Missa das 10h, foi presidida por Dom Roque Costa Souza, Bispo Auxiliar de São Sebastião do Rio de Janeiro, que exortou a todos a seguir como os Reis Magos que naquele tempo foram ao encontro do Menino Jesus com Ouro, o presente dos Reis, com a Mirra que representa a entrega de Cristo por nós, e por fim o incenso cujo bom odor faz referência a oração e por conseguinte a fé.

Dom Edson de Castro Homem, Bispo do Iguatu, no Ceará, e Reitor Emérito da Capela das Aparições no Brasil, presidiu a Santa Missa das 16h. E ao final do dia, Dom Roberto Lopes, Abade do Mosteiro de São Bento do Rio de Janeiro, presidiu a Missa das 19h.