A primeira Santa Missa do Brasil

Há 521 anos, no domingo da oitava de Páscoa, era celebrada a primeira Santa Missa em solo brasileiro. A cerimônia foi presidida pelo frei Henrique de Coimbra, acompanhado por sacerdotes franciscanos de um grupo de oito missionários e alguns sacerdotes seculares.

A Eucaristia foi celebrada em Santa Cruz Cabrália, no litoral sul da Bahia, sobre um ilhéu que hoje não existe mais. Em função do movimento das marés, a Coroa Vermelha, que serviu de base para o primeiro Altar Eucarístico brasileiro, acabou se unindo à praia continental.

Foram necessários 47 dias de viagem pelo Oceano Atlântico para concluir todos os preparativos para a primeira Missa no Brasil!

Em carta redigida ao rei português Dom Manuel, o escrivão Pero Vaz de Caminha contou:

“Ao Domingo de Pascoela, 26 de abril pela manhã, determinou o capitão ir ouvir a Missa e sermão naquele ilhéu. Mandou a todos os capitães que se arranjassem nos batéis e fossem com ele. Assim foi feito. Mandou também armar um pavilhão naquele ilhéu, e dentro levantar um altar muito bem-arranjado. Ali, com todos nós outros, fez dizer a Missa […]. Acabada a Celebração Eucarística, desvestiu-se o padre e subiu a uma cadeira alta; e nós todos lançados por essa areia. Pregou uma solene e proveitosa pregação, da história evangélica. No fim, tratou da nossa vida e do achamento desta terra, referindo-se à cruz, sob cuja obediência viemos, que veio muito a propósito e fez muita devoção. […] ”.